Emirates retoma voos para Johanesburgo, Cidade do Cabo, Durban, Harare e Ilhas Maurício, ampliando sua rede global para 92 destinos

Foto: Emirates retoma voos para Johanesburgo, Cidade do Cabo, Durban, Harare e Ilhas Maurício.

 

A Emirates anunciou que retomará os voos para Johanesburgo (1º de outubro), Cidade do Cabo (1º de outubro), Durban (4 de outubro) na África do Sul; Harare no Zimbábue (1º de outubro); e Ilhas Maurício (3 de outubro). A adição desses cinco destinos expandirá a rede global da Emirates para 92 destinos, enquanto a companhia aérea gradualmente retoma suas operações, priorizando a segurança de seus clientes, tripulação e comunidades atendidas pelo mundo. A rede da Emirates na África será ampliada para 19 cidades.

Os passageiros que chegam e partem pelos três aeroportos em que a Emirates opera na África do Sul podem viajar com segurança para Dubai e para uma série de conexões na Europa, Extremo Oriente, Oriente Médio, Ásia Ocidental e Australásia. Os horários dos voos para os destinos da Emirates na África do Sul estarão disponíveis no site emirates.com no final desta semana.

A Emirates terá dois voos semanais para Harare vinculados ao seu voo para Lusaka. Os serviços interligados conectarão Zâmbia e Zimbábue aos principais destinos da Europa, Extremo Oriente, Américas, Australásia e Ásia Ocidental com uma parada conveniente em Dubai.

Os voos de Dubai para as Ilhas Maurício serão fornecidos inicialmente uma vez por semana aos sábados, apoiando os esforços de repatriação do governo local para trazer seus cidadãos de volta para casa e permitindo a recuperação da indústria do turismo do país, conectando com segurança os turistas da Europa, Extremo Oriente e Oriente Médio para este popular destino no Oceano Índico.

As passagens podem ser reservadas no site emirates.com, aplicativo Emirates, escritórios de vendas Emirates e por meio de agências de viagens físicas ou online.

Os clientes podem viajar para Dubai ou passar um tempo na cidade em voos de conexão, pois a cidade foi reaberta para visitantes internacionais de negócios e lazer. Para garantir a segurança de viajantes, visitantes e da comunidade, os testes de PCR da COVID-19 são obrigatórios para todos os passageiros que visitam Dubai (e os Emirados Árabes Unidos) ou em conexão na cidade, incluindo cidadãos e residentes dos Emirados Árabes Unidos e turistas, independente do país de origem.

O que fazer em Dubai: Dubai possui praias ensolaradas, locais históricos, eventos de classe mundial e centros de lazer, tornando-se um dos destinos globais mais populares. Em 2019, a cidade recebeu 16,7 milhões de visitantes e sediou centenas de reuniões e exposições globais, além de eventos esportivos e de entretenimento. Dubai foi uma das primeiras cidades do mundo a obter o selo SafeTravels do World Travel and Tourism Council (WTTC), que reconhece as medidas abrangentes e eficazes de Dubai para garantir a saúde e a segurança dos visitantes.

Flexibilidade e confiança: As políticas de reserva de passagem da Emirates oferecem flexibilidade e confiança aos clientes que planejam viajar. Ao comprar uma passagem da Emirates até 31 de agosto de 2020 para viagens até ou em 30 de novembro de 2020, são fornecidas condições flexíveis de remarcação de passagem, caso o cliente tenha que alterar a data do voo devido a alguma restrição inesperada relacionada à COVID-19, ou quando reservar uma tarifa Flex ou Flex plus. Mais informações são fornecidas aqui.

Teste de PCR da COVID-19: Os clientes da Emirates que precisam do atestado de teste de PCR da COVID-19 antes de partir de Dubai podem aproveitar as tarifas especiais do American Hospital e suas clínicas em Dubai; para isso, basta apresentar sua passagem ou cartão de embarque. Também estão disponíveis testes em casa ou no escritório, com resultados em 48 horas. Mais informações em www.emirates.com/flytoDubai.

Cobertura global e gratuita de custos relacionados à COVID-19: Os clientes podem viajar com confiança, pois a Emirates se compromete a cobrir as despesas médicas relacionadas à COVID-19 caso seus clientes sejam diagnosticados com COVID-19 durante a viagem enquanto estiverem longe de casa. Essa cobertura é válida para clientes que voam pela Emirates até 31 de outubro de 2020 por 31 dias a partir do momento em que o cliente pegar o primeiro voo da sua viagem. Com isso, o cliente da Emirates pode se beneficiar da garantia adicional dessa cobertura, mesmo que viajar para outra cidade depois de chegar ao destino da Emirates. Veja mais detalhes em www.emirates.com/COVID19assistance.

Saúde e segurança: A Emirates implementou um conjunto abrangente de medidas em cada etapa da viagem para garantir a segurança de seus clientes e funcionários no solo e no ar, incluindo a distribuição de kits de higiene gratuitos com máscaras, luvas, higienizador para as mãos e lenços antibacterianos para todos os clientes. Para obter mais informações sobre essas medidas e os serviços disponíveis em cada voo, visite: www.emirates.com/yoursafety.

Requisitos de entrada para turistas: Para obter mais informações sobre os requisitos de entrada para visitantes internacionais em Dubai, consulte: www.emirates.com/flytoDubai.

Os residentes de Dubai podem verificar os requisitos de viagem mais recentes em www.emirates.com/returntoDubai.

SOBRE A EMIRATES

A Emirates começou a operar em 1985, com apenas duas aeronaves. Hoje, a companhia aérea possui as maiores frotas do mundo de Airbus A380 e Boeing 777, oferecendo a seus clientes o conforto das aeronaves de fuselagem larga mais modernas e eficientes. Inspiramos viajantes do mundo todo com nossa crescente rede de destinos globais, sistema de entretenimento a bordo líder do setor, refeições de inspiração regional e serviço de classe mundial.