Restaurante TORTUGA chega ao terraço da Galeries Lafayette neste começo de outono em Paris

Com o peixe como estrela do menu e instalado no telhado da tradicional loja de departamentos do Boulevard Haussmann, o espaço, sob o comando do jovem e premiado chef Julien Sebbag, oferece vista de 360 graus para os principais monumentos da Cidade-Luz

 

Foto: chef Julien Sebbag inaugura o resturante Tortuga na Galeries Lafayette Haussmann, em Paris.

Tortuga. Este é o nome do novo restaurante do jovem e premiado chef Julien Sebbag recém-instalado no terraço da Galeries Lafayette Haussmann, em Paris. Dedicado a explorar os sabores do mar (e também dos rios), o menu exalta o peixe, que é o ingrediente principal de diferentes combinações e preparos que ressaltam a sutileza do paladar.

Em uma collab com o Grupo Moma, o chef (que também está à frente do Chez Oim, Créatures e Je Cuisine Chez Toi) leva sua mesa experimental para o terraço, na qual ele prepara, artesanalmente, peixes marinhos e de água doce pescados naturalmente e selecionados pessoalmente. A criação do Tortuga – uma referência a uma ilha das Antilhas que foi bastião de piratas no século 17 – resulta da colaboração de três apaixonados pelo que fazem: Sebbag, na cozinha; Franklin Azzi, na arquitetura; e Pierre Marrie, no décor e ambientação. Em conjunto, propõem um espaço onde cozinhar se torna um espetáculo e a experiência culinária começa assim que se chega ao salão, onde se encontra a cozinha central à vista dos clientes. Todos os sentidos estão envolvidos nesse momento de alquimia e a experiência é pensada como uma imersão, um momento especial entre o chef e o público.

 

Foto: Menu enaltece sabores do mar e de rios

Em relação ao cardápio, cada um dos pratos chega à mesa inebriado pelas memórias de Sebbag em seus deslocamentos mundo afora, como Peru, China e Japão. Outra particularidade do menu do Tortuga é que cada cliente faz a escolha como quiser, pois não há entrada ou prato principal. Do cru ao cozido, do quente ao frio, tudo é especialmente idealizado para transportar cada cliente a esse universo de sabores, aromas e texturas. Como detalhe de requinte para que esta experiência imersiva seja ainda mais memorável, até a louça, criada pela artista Suzy Lapierre d’Argy, foi desenvolvida para remeter a corais e ao fundo do mar. São peças únicas – colheres, pratos e tigelas – elaboradas, principalmente, com terra negra, a fim de se chegar o mais perto possível das ondulações de uma concha, por exemplo.

Foto: Com vista em 360º você se delicia com os principais cartões-postais de Paris.

Nesse momento de degustação, a vista em 360 graus que se tem do terraço para os principais cartões-postais de Paris pode ser um ‘aperitivo’ – ou um bom motivo para se permanecer no local após o fim da refeição.